sexta-feira, 28 de setembro de 2012

[Protegendo nosso futuro] Diabetes x Saúde Bucal

Faz um tempo que estava pensando em fazer um post sobre esse assunto, mas não queria nenhum texto pronto da internet, ai lembrei de pedir pra minha querida amiga Kellen [mãe da Marília 4 anos, DM1 há 9 meses] escrever, quem melhor que uma dentista pra falar sobre isso..

Marília
A relação diabetes x saúde bucal é estreita e deve ser considerada para um bom controle glicêmico e, consequentemente, qualidade de vida dos diabéticos. Nossa boca tem uma população de bactérias própria de cada indivíduo e são essas bactérias responsáveis pela cárie e doenças gengivais, algumas mais agressivas, outras menos. Mas o que vai contribuir com essa agressividade é o tipo de alimentação e a higienização bucal. A alimentação ideal é aquela que tenha a menor quantidade de açúcares simples possível. Em relação à higienização, está diretamente relacionada com a remoção do biofilme bacteriano, que é uma película que se forma na presença de restos de alimentos e a união das várias bactérias presentes na boca, ficando aderida aos dentes e gengivas. Quando o biofilme bacteriano permanece por períodos prolongados, ocorre a inflamação das gengivas que, se não tratada, evolui para a doença periodontal, podendo levar à perda dos dentes.

Existe uma relação direta entre a presença da diabetes e um maior risco à doença periodontal, que está diretamente ligada ao grau de controle do paciente diabético. A doença periodontal é causada por microorganismos que levam a um processo inflamatório local. Como a diabetes é uma doença que afeta a resposta do organismo, a doença periodontal passa a ter uma progressão mais rápida do que em pacientes não diabéticos. Estudos demonstram que a doença periodontal também pode afetar o controle da diabetes, ou seja, a relação entre diabetes e doença periodontal seria bidirecional. Isso é facilmente explicado, já que é sabido que qualquer alteração viral ou infecciosa desestabiliza os valores glicêmicos dos pacientes.

Por isso, tão importante quanto as visitas periódicas ao Endocrinologista, Oftalmologista, é o acompanhamento com o Cirurgião-Dentista, e uma comunicação entre esses profissionais. Dessa forma, o paciente diabético pode ser estimulado a ter um bom controle metabólico, uma boa higiene bucal e um monitoramento profissional periódico para evitar ou estabilizar a doença periodontal. Lembrando que os pacientes que mantêm um bom controle glicêmico devem ser tratados com a mesma abordagem utilizada para pacientes não diabéticos.

Da mesma forma que o controle glicêmico, com automonitorização é importante, também é o controle da saúde bucal. Uma boa dica são cuidados preventivos caseiros, por meio de uma boa higiene bucal: escovas macias e trocadas de 2 em 2 meses, fio dental, creme dentais, enxaguatórios. Mas sem esquecer que visitas ao cirurgião-dentista, pelo menos 2 vezes ao ano, para pacientes bem controlados, e com maior frequência, para pacientes sem bom controle, são indispensáveis.


Marília
No meu consultório, tenho um glicosímetro e sempre faço o teste de glicemia antes de qualquer procedimento em pacientes diabéticos. Se você vai para a consulta com seu dentista, lembre-se de levar o seu, pois nem todo dentista adota isso como rotina. Esclareça a ele o que fazer caso tenha uma hipoglicemia.... Não tenha vergonha...todo profissional de saúde deveria saber como agir, mas não é bem assim que acontece. Então, alimente-se normalmente antes de ir para sua consulta e informe todos os detalhes de seu acompanhamento a ele, mesmo que não te pergunte!
Kellen Cristina Mendes Azevedo
CRO-MG 23558

Marília com 2 anos e meio escovando os dentinhos... quem faz o movimento é a cabeça, a escova fica paradinha!


Vale ler..

Sexta Azul: Cobranças X Liberdade. Qual é a medida certa nos cuidados com diabetes?

{Mães em Ação} Bullying escolar e diabetes

PROTEGENDO NOSSO FUTURO: Por um melhor controle da glicemia.

Um comentário:

  1. Desde pequenas as crianças devem ser orientadas sobre a importância da saúde bucal...principalmente as diabéticas.Aqui sempre tive esse hábito com a Marcela,mesmo antes do diagnóstico ela já sabia que tinha que escovar os dentes após as refeições...Agora com Diabetes foi só reforçar a ideia!!!
    Beijo grande,Marília gatinha!!!

    ResponderExcluir