sexta-feira, 25 de setembro de 2015

[BLOGAGEM COLETIVA 5] Diabetes, e a vida social?


Você é portador de diabetes e aí pensa que aquela saída pra ir na balada, assistir ao seu show predileto, bater aquela bola com os amigos, entre outros não é mais possível..

O diabetes não é fator limitante, com os devidos cuidados e responsabilidade, mantendo o equilíbrio e harmonia tudo é possível, 

"É preciso inovar, renovar e se aventurar todos o dias.
Se não tudo perde a graça, tudo acaba virando "rotina"... 
A vitória pertence em quem mais acredita nela... e quem acredita mais tempo. (A.D.)", né!

Se prepare e pé na estrada, vamos as dicas:

- tenha sempre o seu kit salva vidas a mão com lancetas, tiras reagentes, insulinas e afins em quantidade suficiente;

- água é vital, hidrate-se;

- faça um lanche saudável antes de sair de casa;

- leve carboidrato suficiente pra correção de uma possível hipoglicemia e tenha um extra também pra qualquer eventualidade;

- não esconda sua condição de ninguém e ensine seus amigos como te socorrer caso seja necessário, esse ato pode salvar sua vida;

- importante, tenha contigo um documento de identificação avisando que é portador de diabetes;

- disciplina e curta seu passeio, boa diversão.

Sim é possível ter uma vida normal com diabetes, só depende de você!!! 


Energéticos nas Baladas: Cuidado

DIABETES: O QUE FAZER EM GRANDES EVENTOS?

Evento confirmado: Ser responsável com a Bete!

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

[BLOGAGEM COLETIVA 4] Contagem de Carboidratos



A contagem de carboidratos é uma terapia nutricional, onde contabilizamos os gramas de carboidratos consumidos nas refeições e lanches, com o objetivo de manter a glicemia dentro de limites convenientes. A razão pela qual contamos gramas de carboidratos é porque os carboidratos tendem a ter maior efeito no controle glicêmico.

Quando entendemos como contar carboidratos, temos uma maior variedade na escolha dos alimentos que compõem o plano alimentar. E também, podemos controlar a glicemia mais exata.

A contagem de carboidratos pode ser utilizada por qualquer pessoa com diabetes, o carboidrato é o nutriente que mais rapidamente se converte em glicose.

As fontes de carboidratos são os pães, os cereais, as farinhas, as massas, as leguminosas, batata, batata doce, mandioca, mandioquinha, mel, açúcares, biscoitos, leite e iogurtes, frutas e sucos, etc, estão presentes também no feijão ervilha, lentilha e soja juntamente com a proteína e com lipídios como em pizzas e sopas. Lembrando que os produtos industrializados também contém carboidratos, por isso é importante sempre consultar o rótulo.

Para descobrir quanto cada alimento contém de carboidratos, podemos utilizar a informação nutricional dos rótulos ou as tabelas de composição dos alimentos. Para calcular, verificamos quanto de cada alimento estamos consumindo em uma refeição e levantamos através das fontes, quanto de carboidrato cada um deles possui.

Para saber se a terapia está surtindo efeito é necessário o monitoramento constante das glicemias, principalmente no início do tratamento para que o médico possa ajustar a quantidade de carboidratos e a dose de insulina.

Saiba mais sobre o assunto nos links abaixo.

Contando Carboidratos


Fontes
Contagem de carboidratos auxilia no controle da glicemia
O que é Contagem de Carboidratos?

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

[BLOGAGEM COLETIVA 3] Alimentação saudável é a base de nossa saúde - enfoque no DM2




  O diabetes tipo 2 é uma doença crônica no qual o organismo não produz suficiente ou utiliza inadequadamente a insulina necessária para que as células do corpo absorvam e possam aproveitar a glicose de modo adequado. Está mais frequentemente associado com a idade avançada, obesidade, histórico familiar da doença, falta de atividade física e algumas etnias. Existem milhões de pessoas com diabetes tipo 2 pelo mundo e a metade dessas pessoas não sabe que tem a doença.
 
O manejo do diabetes não se trata somente de controlar a glicose, mas da pessoa como um todo, mudar o estilo de vida não é fácil, mas é possível, basta encontrar o seu jeito de estabelecer uma rotina. Assim que você conseguir se organizar, perceberá que o tratamento do diabetes pode ser incorporado naturalmente no seu dia a dia.

Uma alimentação saudável ajudará você a atingir seus objetivos, anote quantas refeições você faz e os alimentos que você come diariamente, observe as quantidades de tudo que você come e bebe. Se você acha que precisa mudar muitas coisas para alcançar uma alimentação mais saudável, comece aos poucos, pela mudança que for mais fácil, um passo de cada vez.

Eis alguns passos de uma alimentação saudável para você começar:
1. Distribua os alimentos em 5 a 6 refeições.

2. Estabeleça horário para as refeições.

3. Evite os açúcares.

4. Diminua o consumo de gordura: dê preferência por  leite desnatado, queijos brancos, carnes magras, alimentos preparados com pouco óleo, evite frituras: use pouca quantidade de margarina, manteiga e requeijão.

5. Evite os alimentos salgados:  eles podem aumentar a pressão arterial, diminua o sal de cozinha, use temperos naturais, evite alimentos industrializados.

6. Prefira alimentos ricos em fibras: frutas com casca ou bagaço, verduras, feijão (leguminosas), arroz integral, pão integral, aveia em flocos, etc.

7. Consuma variados tipos de frutas e verduras: use sempre aqueles de cor intensa, como os verde-escuros e amarelos.

8. Evite bebida alcoólica.

9. Beba água: 10 copos por dia.

10. Uma alimentação saudável e exercícios físicos vão lhe proporcionar peso mais adequado, além de ajudar no controle do diabetes. Converse com o médico para escolher a atividade física mais adequada para você.
 
 Referências bibliográficas


sexta-feira, 4 de setembro de 2015

[BLOGAGEM COLETIVA 2] Alimentação saudável como fonte de vida

A alimentação saudável é tão importante como o ar que respiramos ou seja vital para a saúde.

Comece seu dia com um bom café da manhã, com uma alimentação equilibrada, isso fornecerá toda energia necessária para realizar as atividades durante todo o dia com mais disposição física e mental.

Com medidas simples incorporamos uma alimentação legal em nosso dia a dia. Agora você me pergunta, seu filho é portador de diabetes e tem restrição alimentar? NÃO de maneira nenhuma, a alimentação dele é a mesma que toda pessoa deveria ter, come de tudo com moderação. Temos espaço para as porcarias, mas muito de vez em quando, afinal somos humanos e quem nunca enfiou o pé na jaca alguma vez, então o que não pode é essas escapadelas virar rotina. Com uma alimentação saudável garantimos um futuro promissor e sem limitações.

Eis a cara do garoto diabetes, precisa falar algo mais?


O Ministério da Saúde tem um Guia Alimentar de Bolso com informações simples para o dia a dia com uma alimentação saudável, acompanhe algumas dicas.

1. Faça pelo menos 3 refeições (café-da-manhã, almoço e jantar) e 2 lanches saudáveis por dia. Não pule as refeições.

2. Inclua diariamente 6 porções do grupo do cereais (arroz, milho, trigo, pães e massas), tubérculos como as batatas e raízes como a mandioca nas refeições. Dê preferência aos grãos integrais e aos alimentos na sua forma mais natural.

3. Coma diariamente pelo menos 3 porções de legumes e verduras como parte das refeições e 3 porções ou mais de frutas nas sobremesas e lanches.

4. Coma feijão com arroz todos os dias ou , pelo menos, 5 vezes por semana. Esse prato brasileiro é uma combinação completa de proteínas e bom para a saúde.

5. Consuma diariamente 3 porções de leite e derivados e 1 porção de carnes, aves, peixes ou ovos. Retirar a gordura aparente das carnes e a pele das aves antes da preparação torna esses alimentos mais saudáveis!

6. Consuma, no máximo, 1 porção por dia de óleos vegetais, azeite, manteiga ou margarina.

7. Evite refrigerantes e sucos industrializados, bolos, biscoitos doces e recheados, sobremesas e outras guloseimas como regra da alimentação.

8. Diminua a quantidade de sal na comida e retire o saleiro da mesa.

9. Beba pelo menos 2 litros (6 a 8 copos) de água por dia. Dê preferência ao consumo de água nos intervalos das refeições. 

10. Torne sua vida mais saudável. Pratique pelo menos 30 minutos de atividade física todos os dias e evite as bebidas alcoólicas e o fumo.

E ae vai adotar esse ritmo de vida saudável ou vai ficar de fora?!

 

Leia mais em:


Guia Alimentar de Bolso Ministério da Saúde

Portal da Saúde / MS

Blog Eu, Meu Filho e o Diabetes

Blog Eu e a Bete

Tenho diabetes tipo 1, e agora?