quarta-feira, 26 de agosto de 2015

[BLOGAGEM COLETIVA 1] Carta Aberta ao Governo Brasileiro e Anvisa

Como já dizia minha avó: "Cuide de sua saúde hoje e garanta um futuro saudável", sim a Dona Ana sabia das coisas. Estamos voltando as raízes da alimentação saudável e a luta se faz necessária para conscientizar as pessoas.

E como a saúde é primordial para a qualidade de vida, a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) e Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso), em carta aberta divulgada em 25/08/2015, exigem que o Ministério da Saúde, por meio da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), determine a RETIRADA COMPLETA em tempo hábil, de todo alimento que contenha GORDURA TRANS, à semelhança do que já acontece na Europa e nos EUA.

As gorduras insaturadas trans, conhecidas como gorduras trans são associadas a um risco elevado de morte por doença cardiovascular, obesidade e hipertensão com colesterol elevado. Elas são encontradas especificamente em produtos processados, nos óleos hidrogenados que os mantêm conservados.

"No Brasil, o Guia Alimentar para População Brasileira (GAPB), lançado em 2006, restringe o consumo de gordura trans a 1% do valor energético diário, o que corresponde a aproximadamente 2 g/dia em uma dieta de 2.000 calorias. Mesmo existindo um documento da OMS emitido em 2004, o Ministério da Saúde baseou-se na sugestão publicada pela Organização em 1995, para orientar o valor no GAPB. Diante do exposto, questiona-se a manutenção desse limite de consumo máximo de gordura trans.", de acordo com o documento.

"A participação de alimentos industrializados contendo gordura trans na dieta contemporânea é traço marcante do padrão alimentar atual da população. Seu consumo causa impacto na saúde, tanto no desenvolvimento de doenças crônicas quanto no estado nutricional", afirma o documento.

Eis a carta na íntegra:

"Dia 14 de Novembro é o Dia Mundial do Diabetes, doença epidêmica que atinge mais de 350 milhões no mundo todo.
No Brasil, estima-se 14 milhões de pessoas e a maioria obesos, hipertensos com colesterol elevado e com risco de morte por doença cardiovascular muito elevado.

A participação de alimentos industrializados contendo gordura trans na dieta contemporânea é traço marcante do padrão alimentar atual da população. Seu consumo causa impacto na saúde, tanto no desenvolvimento de doenças crônicas quanto no estado nutricional.

Os ácidos graxos trans podem ser sintetizados pela fermentação bacteriana e estão presentes em pequena quantidade nas carnes e no leite, mas sua principal fonte é a gordura hidrogenada, muito utilizada em produtos industrializados.
Considerando a repercussão desse padrão alimentar e seus efeitos deletérios à saúde, em 2004, a OMS lançou a Estratégia Global para Promoção da Alimentação Saudável, Atividade Física e Saúde com a meta de eliminação do consumo de gordura trans industrial.

No Brasil, o Guia Alimentar para População Brasileira (GAPB), lançado em 2006, restringe o consumo de gordura trans a 1% do valor energético diário, o que corresponde a aproximadamente 2 g/dia em uma dieta de 2.000 calorias.
Mesmo existindo um documento da OMS emitido em 2004, o Ministério da Saúde baseou-se na sugestão publicada pela Organização em 1995, para orientar o valor no GAPB. Diante do exposto, questiona-se a manutenção desse limite de consumo máximo de gordura trans.

Neste sentido, a SBD junto com a SBEM e ABESO, vem a público neste momento de mudança mundial em relação aos hábitos de vida, solicitar a RETIRADA COMPLETA em tempo hábil, de todo alimento que contenha GORDURA TRANS.
E com apoio da ciência moderna, temos um racional para exigir esta atitude. Que melhore a saúde do brasileiro, que o governo se responsabilize por normas que protejam as pessoas."


Este post é a primeira Blogagem Coletiva do Grupo de Influenciadores Digitais do Dia Mundial
 
Recentemente, adotando uma nova linha de relacionamento digital, a SBD, a SBEM e a equipe de trabalho do Dia Mundial do Diabetes, criaram o Grupo de Influenciadores Digitais do Dia Mundial.

Os primeiros blogueiros que participaram de uma mobilização em 2013 foram convidados a dar início ao projeto e sugerir nomes para compor o Grupo dos Influenciadores pelo WhatsApp.

Nas primeiras trocas de mensagens, observou-se que se é para mobilizar nada como um grupo que analisa, discute, sugere e dá mil ideias. São várias trocas de mensagens e sempre objetivas, entre os 25 membros, entre blogueiros, diretoria das entidades e equipes de trabalho.
Nós estamos nessa!!! =D




Fonte:




terça-feira, 18 de agosto de 2015

Meu filho e o Diabetes


Nós participamos do EducaDiabetes - Educação em Diabetes com a entrevista "Meu filho e o diabetes", tá aí o vídeo pra vc assistir e deixar sua opinião. Obrigada!!! 
Emoticon grin

Papo sério, vc já ouviu falar em diabetes? É uma doença crônica que pode acometer qualquer pessoa, bebês, crianças, adultos e idosos, ninguém está isento, não existe cura mas tem tratamento. A nossa arma é informação.

Meu filho é portador do diabetes tipo 1, o tratamento dele é a santa insulina, amém pra essa descoberta. A partir do momento que o diabetes entrou na nossa vida aprendemos a conviver com a condição e sim existe vida após o diabetes. Nesta entrevista de um pouco mais de 40 min, falamos em como é ter uma criança com diabetes e como vivemos normalmente com tanta doçura.

As vezes cansa, é chato, as picadas são constantes e as gotas de sangue pra saber o valor da glicemia nos norteiam. Mas sabe da melhor somos felizes como qualquer pessoa, então aprenda um pouco mais e espalhe informação por ai!!!