segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Férias e glicemias oscilantes

Na semana passada, o João Pedro apresentou dois dias seguidos antes do jantar, glicemias muito elevadas.
Um dia 357 mg/dL, no outro 329 mg/dL e sem motivo aparente, pois se alimentou direitinho.

Falei com o Endocrinologista, ele me disse que por ser férias isso pode acontecer mesmo, pois as crianças ficam foram da rotina, comem mais, brincam mais, comem coisas diferentes. No caso do João nesses dois dias ele correu e jogou bastante bola.

Se a glicemia dele estava em torno de 200 mg/dL por exemplo, com o exercício físico acelerado tende a aumentar ainda mais, esse pode ter sido um fator. Dai a importância do controle glicêmico antes das atividades físicas.

Desde a última consulta tenho em casa a insulina ultrarrápida, para em casos de emergências como esses corrigir as glicemias.
A orientação que tenho para a correção com a novorapid é a seguinte:
>200 mg/dl - 1 UI
>300 mg/dl - 2 UI
>400 mg/dl - 3 UI.

Então como a glicemia estava acima de 300mg/dL, apliquei 2 ui de insulina para correção e deu certo.
Lembrando que isso para o João Pedro, e como cada caso é único, deve-se seguir a orientação de seu Endocrinologista.

Escrevi sobre isso no nosso grupo do facebook e um dos questionamentos foi o final da "lua de mel", o Endocrino também aventou essa possibilidade, pediu para observar os próximos dias. Falamos muito também sobre a contagem de carboidratos, ele ainda não faz, mas já sigo algumas regras.

Na próxima semana temos uma consulta com a Nutricionista e mesmo não utilizando a novorapid diariamente, vou conversar para começarmos a contagem efetivamente, pois acredito que poderá melhorar muito a qualidade de vida de nosso filho.

Nesses três últimos dias suas glicemias estão maravilhosas, a maior medida foi 166 mg/dL. O que temos que fazer agora é aguardar e viver um momento de cade vez!

4 comentários:

  1. olá Silvia.olha a contagem é muito importante.Para voçes que são bem disciplinados,vai dar certo.
    O mais importante na contagem não é só aprender a contar e a Bolus correção .Há médicos que não fazem colocam esas tabelinhas para correção.
    Por exemplo .
    O Dani ,faz assim:
    Para cadsa 15 de cho calcula-se 1 unid.

    Para a correção a cada refeição ,medimos antes ee feito assim.
    Poe exemplo:
    200 de glicose -120 (calculo médico) resultado dividido por 90(caculo médico),o resultado é a dose para correção
    200-120=80. po90=0.8 a redondo para 1u
    120 é para ele não dar hipo é ameta que ele deve ficar ,assim ele não fica com baixa o médico não deve indicar uma quantidade de insulina que zere a glicose no sangue ,deve corrigir e sobrar.
    espero que de certo são mais medidas e mais calculos .
    Pra o Dani é otimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Vania
      Eu tenho em caso o Manual de Contagem e já aprendi a fazer alguns calculos, não é tão difícil, logo pego o jeito.
      Beijos e melhoras pro Dani

      Excluir
  2. oi Silvia, com meu filho como havia comentado com vc, com oito meses de diabetes começou tomar a rapida no jantar, as vezes toma tbm na hora do almoço, mas tbm acontece dias que não toma nenhuma rapida, fica só com a lantus, as vezes fico pensando com certas pessoas pode ter um bom controle sem fazer as medições, pois a glicemia não segue um padrão, as vezes se come e exercita-se a mesma quantidade e a glicemia tem uma variavel bem diferente, este mês fez um ano de diabetes, e segundo o medico o Felipe esta ainda no periodo lua de mel, pois toma ainda doses minimas de insulina para seu idade e peso. abços.
    Carla

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carla
      Fico feliz pelo Felipe e por vc também, afinal o sucesso do tratamento é da família!!
      E o monitoramento da glicemia é imprescindível, não tem como controlar sem o mesmo.
      Beijos pra vc e Felipe

      Excluir