segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Cuidador / Educador

“Tudo o que existe e vive precisa ser cuidado para continuar a existir e a viver: uma criança, uma planta, um idoso, uma pessoa doente, os animais, o planeta Terra. O cuidado é mais fundamental que a razão e a vontade; é essencial para viver”
(Saber cuidar, L.Boff )


Todos nós sabemos que o papel do cuidador é imprescindível para o sucesso no tratamento de diabetes.

O cuidador consciente sabe que não basta simplesmente medir a glicose, além de um bom controle glicêmico temos que ter habilidade para administrar medicações, ter noções do metabolismo da glicose, nutrição, usar adequadamente instrumentos e insumos, saber a importância da atividade física, enfim ter uma qualidade de vida.

Nós como pai e mãe temos um papel fundamental na vida de nossos filhos, mas como cuidadores temos uma responsabilidade maior ainda, pois somos nós quem vamos nortear o tratamento do diabetes de nossos pequenos, o que as nossas crianças irão aprender no seu dia-à-dia, naturalmente, vai depender muito de nossa postura.O que eles serão futuramente depende exclusivamente de nós...

Um fator que influi muito na qualidade do tratamento do diabetes é o nível de Educação dos cuidadores, digo isso por experiência própria, afinal muitos não tem acesso à informações, que no meu ponto de vista também é primordial, quanto mais instrução, maior é o sucesso no tratamento.

Um cuidador precisa também ter muita sensibilidade para perceber o que seu filho ainda não consegue transmitir,  pois cada ser humano é único, o que funciona para uma criança pode não dar certo com outra, afinal o tratamento é individualizado, podemos nos basear em vivências, mas cada qual é um.

Temos que ser fortes, afinal o cuidar de uma criança com diabetes, as vezes nos torna seres frágeis tanto emocional quanto psicologicamente, as vezes também precisamos de orientação e por que não cuidados...

Por essas e outras razões costumo dizer que não somos simples cuidadores mas com todas as letras EDUCADORES, afinal estamos educando nossos filhos para vida!!! Não medimos glicemia e injetamos insulina, apenas, estamos plantando amor e amor é vida!!!

Para finalizar deixo uma pergunta: "O que significa para você cuidar de uma criança com diabetes?" - e para você que não é cuidador, mas tem diabetes "Como é o seu autocuidado?"

Nenhum comentário:

Postar um comentário